29 de maio de 2008

Servidores comemoram arquivamento

Imagem emprestada do Rigon
Os servidores públicos do Município de Maringá, estavam preparados para acompanhar a audiência pública no Juizado Especial onde alguns deles seriam ouvidos e foram presenteados com a informação do arquivamento do processo por descumprimento de decisão judicial ainda durante a greve de 2006, quando mais de 40 pessoas foram detidas. Quem sabe se este não seja o primeiro de muitos outros arquivamentos.

Se beber não dirija nem bicicleta

28 de maio de 2008

Doação de sangue

Além de noticiar acontecimentos, ajudar também é bom. Assim, solicitamos aos leitores que puderem doar sangue a Alan Candido Rodrigues, no Hospital do Câncer, o mais urgente possível, que o façam. Alan é irmão do ex-seminarista Rogério Candido Rodrigues, de Doutor Camargo e, por estar com câncer, precisa urgentemente de no mínimo 10 doadores. As pessoas interessadas devem se apresentar na recepção do banco de sangue do Hospital do Câncer e avisar que a doação é para o Alan Candido Rodrigues, paciente do hospital.

Perseguições

As perseguições da atual administração aos servidores municipais continuam, denuncia Paulo Vidigal. Adianta ainda que nesta quinta-feira , 44 servidores municipais participarão de uma audiência acusados injustamente de terem desobedecido uma ordem judicial. Lembra muito bem o servidor que esse é o tratamento dispensado pela atual administração pepista aqueles que lutam.

27 de maio de 2008

ARAS incendeia a consciência política

Após organizar e coordenar a Romaria do Trabalhador, no dia 1º de maio, no Conjunto Santa Felicidade, em Maringá, a Associação de Reflexão e Ação Social (ARAS), volta a incendiar a consciência política, atiçando a consciência popular. Iniciou esta noite a discussão de três propostas de ações que mexerá com os políticos de carreira e com a sociedade. Primeiro, a formação do Comitê Lei 9840 para fiscalizar a campanha e denunciar as falcatruas e compras de votos; segundo, projeto de lei de iniciativa popular impedindo a candidatura de pessoas com pendências judiciais relativas a atos incompatíveis com o exercício do mandato e candidaturas dos que renunciam ao mandato para escapar de punições legais e; terceiro, a discussão para redução da jornada de trabalho de 44 para 40 horas semanais.

Aqui é público

Nesta tarde, ao passarmos ao lado do ("Academia" da "Terceira" "Idade" - ATI), no Parque Tuiuti, vimos uma cena incomum. Duas crianças andavam de bicicleta enquanto algumas poucas pessoas utilizavam os aparelhos e um senhor chamou-lhes a atenção de que não era para passarem pelo meio. Imediatamente a resposta de uma criança foi ao ar: "aqui é público e nóis vai onde nóis qué".

26 de maio de 2008

Deficiência não é limite

video

Recebi este vídeo por e-mail e observei que as ações da mãe (sem braços) que aparece cuidando da criança é um axemplo para muitos que reclamam da vida. Confira. Vale a pena.

Assembléia prioriza a Família

A Assembléia Arquidiocesana prioriza Juventude, Cebs, Família e Promoção da Vida. Estas foram às prioridades apontadas na Assembléia Arquidiocesana para a atuação da Arquidiocese de Maringá para os próximos anos. A Assembléia, realizada sábado e domingo (dias 24 e 25 de maio) no Colégio Santo Inácio, reuniu cerca de 500 pessoas, entre os quais, líderes paroquias, coordenadores de pastorais e de movimento, religiosos e religiosas, padres e outros.
Com uma eleição acirrada, a Família foi o primeiro item escolhido por todos, em seguida veio a Cebs, Promoção da Vida e por fim a Juventude.
O próximo passo, segundo o coordenador da Ação Evangelizadora, Padre Sidney Fabril é configurar os projetos para contemplam estas prioridades, assim como o calendário arquidiocesano. Para isso, será convocado um novo encontro com todos no próximo mês para definir quais atividades serão de competência da Arquidiocese organizar e quais ficaram a cargo dos movimentos, pastorais, paróquias e padres.

25 de maio de 2008

Motoqueiros à procura da morte

Em plena caminhada neste fim de tarde, observei em pontos diferentes o quanto os motoqueiros abusam da velocidade, não respeitando os cruzamentos. Três motos, em lugares e horários diferentes cruzaram esquinas em velocidade superior a 60 km/hora. É puto auto-suicídio. Um deles transitava com acompanhante na garupa. Em caso de acidente, além de possível auto-suicídio, ainda poderia assassinar o acompanhante. Complicaria a vida dele, da família dele e do acompanhante e de tantos quantos fossem envolvidos no acidente.

Computadores X aprendizagem

Um estudo realizado na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) mostra que as políticas de inclusão digital, que estimulam o uso de computadores nas escolas, podem estar gravemente equivocadas.

A pesquisa, publicada na revista Educação e Sociedade, coordenada por Jacques Wainer, do Instituto de Computação, e por Tom Dwyer, do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, mostra que o uso de computadores para fazer tarefas escolares está relacionado ao pior desempenho dos alunos – principalmente entre os mais pobres e mais jovens. Eis a matéria na íntegra.

O MST mudou

Em entrevista, Stédile reconhece que o MST mudou e a educação passou a ser valorizada. "No início do movimento, uns 25 anos atrás, havia um simplismo em que achávamos que bastaria conquistar terra que as pessoas sairiam da pobreza. Não é suficiente. Não adianta um camponês ter terra, se não tiver conhecimento. De uns 15 anos para cá, o MST tem feito um esforço muito grande para educar. Todas as crianças do MST estudam. Em todos os assentamentos há uma escola".

Visitas internacionais

Neste domingo o blog recebeu visitas do Brasil, Estados Unidos e Japão. Está ficando internacional.

De blog novo

Wilson Rezende está de blog novo, confira.

24 de maio de 2008

Ausente

Hoje não tive e não terei tempo para a internet. Deixe-me retornar às atividades.

23 de maio de 2008

Assembléia Arquidiocesana

A Arquidiocese de Maringá se organiza para a Assembléia Arquidiocesana, que vai acontecer nos dias 24 e 25 de maio no Colégio Santo Inácio. Segundo padre Sidney Fabril, coordenador da Ação Evangelizadora da Arquidiocese de Maringá, a Assembléia Arquidiocesana está dividida em 3 momentos específicos, baseando-se na metodologia “Ver – Julgar – Agir”. As etapas “Ver” e "Julgar" já ocorreram em assembléias anteriores .
E para finalizar, a Assembléia Arquidiocesana que será realizada nos dias 24 e 25, no Colégio Santo Inácio, tem por objetivo delinear os pontos de atuação para os próximos 4 anos na Arquidiocese. É o momento de “Agir”, e para isso estarão presentes todos os coordenadores e representantes de Pastorais, Movimentos e Paróquias pertencentes à Arquidiocese de Maringá.

22 de maio de 2008

Vídeos de Corpus Cristi no Tuiuti

video

Vídeos da criatividade coletiva das crianças, jovens e idosos da Paróquia São Mateus, no Parque Residencial Tuiuti, em Maringá/PR que, desde as 5 horas da madrugada desta quinta-feira Corpus Cristi enfeitaram as ruas do bairro. Até um cachorro apreciou os desenhos culturais que duraram poucas horas.

video

Cabelos no canteiro

Cabelos de um salão de "beleza", juntamente com outros materiais recicláveis jogados no canteiro da Avenida Tuiuti, no Jardim Novo Oásis, proximidades do Conjunto Branca Vieira. Há semanas venho observando grande quantidade que a chuva e o vento já arrastou do local. Hoje, não resisti, fotografei. É vergonhoso, além das possibilidades de doenças.

Mamão estrelado

Ao cortar um mamão esta manhã, deparei-me com uma bela estrela que vale registro. Perfeição da natureza. Admirável.

Uns rezam, outros brincam

Enquanto os católicos se preparavam para celebrar o Corpus Cristi pelas ruas e avenidas de Maringá, coletivamente preparadas para a procissão, a exemplo do Parque Tuiuti (foto à esquerda), outros se preparavam para o lazer, com motos e jipes, caracterizados para o lazer na zona rural (foto à direita), a partir da Avenida Guaiapó.

21 de maio de 2008

Maquiagem

Brinquei há pouco com uma atendente de caixa em um grande supermercado de Maringá, parte de uma considerável rede, sobre a maquiagem inquestionável:

  • Há um espaço exclusivo para vocês se arrumarem?
  • Não – respondeu – fazemos nossa maquiagem no banheiro.
  • Banheiro? – indaguei.
  • É. Às vezes venho maquiada de casa porque o banheiro é pequeno e somos em muitas neste marcado para se maquiar. Trago a roupa na sacola e venho pronta.
  • Pô. O mercado deveria organizar um espaço para vocês se maquiarem. Por que não pedem?
  • Já pedimos, mas nem ligaram. Os homens trabalham de qualquer jeito, mas nós temos que atender os clientes nos trinque, com cabelos presos, bem arrumada e maquiadas, mas não temos espaço.
  • É. Mas merecem – brinquei.
  • Quem sabe um dia – respondeu e deu tchau, indiretamente mandando-me partir, para não ser flagrada conversando sobre um assunto que não deve ser de interesse da rede.

Parei a provocação porque outro cliente aguardava para que seus produtos fossem registrados no caixa, enriquecendo um pouco mais – assim como eu – o proprietário do superrrrrrrr.

Trunfos eleitorais

Passei pela Avenida Mandacaru no início desta noite e observei que a pista de ciclismo parece mais um elefante branco de caminhada que de bicicletas. Ela e tantas outras “obras” em andamento (casas populares) deverão ser utilizadas como trunfos eleitorais. Obras de campanha, aparentemente com a anuência dos poderes. Quem diria que chegaríamos a uma situação desta.

20 de maio de 2008

Propaganda política?

Fiquei de queixo caído ao assistir – por acaso – o final de um programa da RIC-TV de Maringá após o almoço de hoje. O apresentador parecia fazer pura propaganda política eleitoral para a administração de Maringá, elogiando as academias da terceira e primeira idade, dizendo que Maringá está em pleno desenvolvimento. Dizer que está em desenvolvimento até que concordamos por não ser um mérito local e sim nacional. Agora fazer propaganda política aberta, aí foi demais para o meu tamanho e raciocínio.
Será que algum partido político, ou o Ministério Público, a OAB, ou mesmo a Arquidiocese de Maringá - visto esta defender publicamente a Lei 9840 - nada farão?
Uma administração que tem cabos eleitorais como apresentadores de televisões e radialistas levando músicas, notícias, entrevistas e propagandas indiretas, do que mais precisam, a não ser de punições da Lei?

19 de maio de 2008

Veículos de fora

O caos de Maringá está impossível e ficará pior. O interessante é quando alguns veículos com placas de fora contribuem para o caos por não conhecerem a cidade o suficiente. Vi hoje dois veículos de fora, um de Altônia e outro de Jussara, em pontos diferentes transitando pelo lado esquerdo da rua, lentamente, em busca de encontrar algum número ou comércio. Resultado: congestionamento e irritação de alguns motoristas.

18 de maio de 2008

O papel dos vereadores

Em época de eleições, questionar o que fazem os vereadores é uma constante em nossas atividades sociais e políticas. Foi o que fez hoje o nosso ex-maringaense, Valdeci Raimundo, atualmente em Curitiba.

Serviço Militar: voluntário ou obrigatório?

Paulo Vidigal questiona o Serviço Militar que dizem ser voluntário. Voluntário ou obrigatório?
"Muitos dizem que o exército "corrige" a pessoa. O que é uma grande ingnorância. A simples prestação do serviço militar obrigatório não faz de ninguém uma pessoa melhor, não o corrige como muitos dizem. Pelo contrário. Lá pode-se aprender coisas boas como também coisas "ruins". Essa mudança de comportamento depende do indivíduo. Posso dizer que alguns que serviram comigo se tornaram pessoas melhores e outras, simplesmente não. Acho que estou entre aqueles que se tornaram pessoas melhores." Na íntegra com um vídeo.

Cobaias da malária

Pessoas estão sendo usadas no Estado do Acre como cobaias para estudo da malária. "Marcilio da Silva Ferreira (foto), foi contratado em 2003, para trabalhar na função de auxiliar de entomologia. A tarefa dele era fazer estudos sobre o tipos de mosquitos responsáveis pela transmissão da malária. Mas chegava a ficar de 6 até 12 horas com o corpo exposto as picadas nos locais de maior foco da doença e nos horários de pico."
"Foram muitas madrugadas, noites de frio que fiquei com as pernas expostas aos mosquitos. Peguei 12 malárias, fiquei fraco e pedi para ser transferido de setor. Não aguentava mais trabalhar para adoecer. Infelizmente precisava do dinheiro". (sic). Conta Marcilio. É ruim, hem!!! Leia a matéria completa.

Um blog sobre direito

Estudantes de Direito da UEM acabaram de criar um blog sobre Direito. Faltam apenas as matérias que esperamos aparecer em breve. Estou na torcida dos que esperam que os assuntos sejam de interesses da sociedade e que o linguajar não seja puramente acadêmico, que seja acessível ao povo.

17 de maio de 2008

Entidades planejam conferências

Reuniram-se hoje, 17 de maio de 2008, no Centro de Pastoral da Arquidiocese de Maringá/PR (CEPA), na Vila Santo Antônio, em Maringá, 14 representantes de 09 entidades que trabalham na garantia de direitos humanos de Maringá, Sarandi, Londrina e Cambé para o primeiro café da manhã do ano. O conselheiro nacional do MNDH e membro da coordenação do MNDH no Paraná, Clovis Pereira, apresentou um vídeo sobre acessibilidade e alertou sobre as conferências regionais, estadual e nacional de Direitos Humanos que serão realizadas até dezembro de 2008. Leia mais.

16 de maio de 2008

Café da Manhã

Neste sábado (dia 17), das 08h30min., às 11 horas, o haverá mais um Café da Manhã do FREDH - Fórum Regional das Entidades de Direitos Humanos de Maringá e Região. O Café acompanhado de reunião ocorrerá no Centro de Pastotal (CEPA), na Rua Vereador Joaquim Pereira de Castro, 267 - Vila Santo Antônio, ao lado da Paróquia Santo Antônio,em Maringá.
As entidades sociais que desenvolvem atividades nas áreas de educação, saúde, meio ambiente, cultura, "deficiências"..., podem comparecer e se tiverem condições, levar alguma coisa para enriquecer o café.

15 de maio de 2008

Chapeuzinho vermelho

História de Chapeuzinho Vermelho recebida por e-mail contando as versões que a mídia atual daria para a história, de acordo com suas características:
JORNAL NACIONAL
(William Bonner): Boa noite. Uma menina chegou a ser devorada por um lobo na noite de ontem...
(Fátima Bernardes): ... mas a atuação de um caçador evitou uma tragédia.
FANTÁSTICO
(Glória Maria): Que gracinha, gente. Vocês não vão acreditar, mas essa menina linda aqui foi retirada viva da barriga de um lobo. Não é mesmo, querida?
CIDADE ALERTA
(Datena): Onde é que a gente vai parar, cadê as autoridades? A menina ia para a casa da avozinha a pé! Não tem transporte público! E foi devorada viva! Põe na tela! Tem um "link" para a floresta, diretor?
REVISTA CLÁUDIA
Como chegar à casa da vovozinha sem se deixar enganar pelos lobos no caminho.
REVISTA NOVA
Dez maneiras de levar um lobo à loucura.
REVISTA MARIE-CLAIRE
Na cama com o lobo.
JORNAL O ESTADO DE S. PAULO-SP
Fontes confirmam que Lobo que devorou Chapeuzinho seria filiado ao PT.
REVISTA VEJA EXCLUSIVO!
Ações do Lobo eram patrocinadas pelo governo Lula e o PT.
Páginas Amarelas da VEJA:
"Está claro que houve tentativa de quebra de sigilo bancário da Chapeuzinho por parte da Dilma e do Tarso Genro. Eles têm que cair. "Arthur Virgílio
JORNAL ESTADO DE MINAS-MG
Chapeuzinho come o lobo enquanto o lenhador vai pra floresta com a vovó.
JORNAL ZERO HORA-RS
Avó de Chapeuzinho nasceu no RS.
JORNAL AGORA-RJ
Sangue e tragédia na casa da vovó!
JORNAL GAZETA DO POVO-PR
O Lobo é irmão do Governador Requião
REVISTA CARAS
Chapeuzinho fala a CARAS: "Até ser devorada, eu não dava valor para muitas coisas da vida. Hoje sou outra pessoa"
REVISTA PLAYBOY
Veja o que só o lobo viu!
REVISTA ISTO É
Gravações revelam que lobo foi assessor de influente político de Brasília.
REVISTA G MAGAZINE
Lenhador mata o lobo e mostra o pau!
REVISTA ONLINE O FUXICO
A toca do Lobo era na mata atrás da casa do Marcos Valério.
JORNAL DO PT
Lula não sabe de nada!

O poder da reza de uma criança

Um menino de 5 anos queria ganhar 100 reais e rezou durante 2 semanas para Deus. Como nada acontecia, ele resolveu mandar uma carta para o Todo-Poderoso com seu pedido. O correio recebeu uma carta endereçada para Deus-BRASIL". Resolveram mandá-la para o Lula.

Lula ficou muito comovido com o pedido e resolveu mandar uma nota de 10 reais para o menino, pois achou que 100 reais era muito dinheiro para uma criança pequena . O garotinho recebeu os 10 reais e imediatamente notou o endereço do remetente: "Brasilia-DF". Pegou papel e caneta e sentou-se para escrever uma carta de agradecimento:

- Prezado Deus: Muito obrigado por me mandar o dinheiro que pedi, contudo, eu pediria que, na próxima vez, o Senhor mandasse direto pro meu endereço, porque quando passa por BRASÍLIA, aqueles políticos cara-de-pau ficam com 90%!!!

Arquidiocese promove grande show

A Arquidiocese de Maringá está preparando um grande show, no dia 12 de julho, com o objetivo de levantar fundos para concluir as obras do Centro de Encontros, junto ao Seminário Arquidiocesano Nossa Senhora da Glória.
A apresentação será no Parque de Exposições Feio Ribeiro, em Maringá, com os cantores católicos Pe Zezinho, Pe Antônio Maria e Adriana, no valor de R$ 10,00 por pessoa. Os ingressos podem ser adquiridos nas paróquias de toda arquidiocese, nas Paulinas Livraria, no Cepa ou na Rádio Colméia.

Violência

Nesta sexta-feira, dia 16, haverá palestra e mesa redonda sobre Violência. O evento ocorrerá no Auditório da ADUEM, na Rua profº Itamar Orlando Soares, 305, em frente a Universidade Estadual de Maringá (UEM), com abertura às 08h30min., de acordo com o folder acima. Entre os debatedores da questão, encontra-se a respeitada psicóloga e professora, a doutora Ângela Caniato.

14 de maio de 2008

Marina Silva frustra atingidos por barragens

Coordenação Nacional do MAB se pronuncia sobre o pedido de demissão de Marina Silva do Ministério do Meio Ambiante. "O MAB (Movimento dos Atingidos por Barragens) considera que a saída da ministra Marina Silva da pasta de Meio Ambiente é uma perda para os movimentos sociais, ambientalistas e para todo o povo brasileiro. Avaliamos que a ministra tinha posições contrárias à algumas ações do governo prejudiciais à soberania da Amazônia, à agricultura camponesa, aos atingidos por barragens e ao meio ambiente. No entanto, é um bom momento para repensar a política ambiental do governo.
Citamos como exemplo dessa política prejudicial, a liberação das obras das usinas de Santo Antonio e Jirau e de tantas outras hidrelétricas previstas no PAC (Programa de Aceleração do Crescimento), atropelando as licenças ambientais dessas obras; a liberação do comércio de produtos transgênicos, prejudicando a agricultura camponesa; a legalização da grilagem de terras na Amazônia; a expansão do monocultivo de cana-de-açúcar, prejudicando o meio ambiente e fazendo vista grossa para o trabalho escravo praticado nessas usinas.
Independente de quem vá ocupar o comando do ministério, o MAB exige do governo federal uma nova política para o setor, que não sirva aos interesses econômicos das grandes empresas transnacionais produtoras de soja e milho transgênicos, produtoras e consumidoras de energia elétrica, das construtoras de grandes obras e dos grileiros de terra. Exigimos uma política de meio ambiente que se preocupe com a nossa soberania, com os nossos povos e com a nossa natureza.
Água e energia não são mercadorias!
", conclui a Coordenação Nacional do MAB.

13 de maio de 2008

O fim de uma ex-ministra

Hoje foi um dia interessante. Abasteci o Dicionário Popular. Contribui com informações para o MNDH-PR. Fui à feira-verde no Conjunto Guaiapó-Requião. Tomei conhecimento do fim de uma ex-ministra, Marina Silva, possivelmente abatida com a ausência de boa vontade do governo atual sobre a preservação da Amazônia. Alguém me perguntou: "será que a Marina continuará no PT"? Será, será? O tempo responderá. Caminhei pela Av. Guaiapó e Sophia Rasgulaeff, apreciando a grama asfixiada pelo veneno que a administração passou na extensão do meio-fio da última avenida. Li blogs e não tive tempo para abastecer este Diário.

Virus pela internet

Cuidado, este é o teor de um possível vírus correndo nos e-mails. Não abra o que está abaixo. É um alerta deste blog. O e-mail está intitulado: "Alguem esta tentando logar com a sua senha" e vem do e-mail: informe@sistemadeprotecao.com.br. Urgente. Percebemos que você ou outra pessoa tentou logar demaziadamente em sua conta de e-mail com uma Senha Incorreta!.Por medidas de Segurança, pedimos que troque sua Senha. Copie o link abaixo e cole na "URL" do seu Browser" http://www.webmaneger.com.br/email/aviso/urgencia/sistemadeprotecao/troca-de-senha.html. Este é um e-mail alternativo, favor não responder. Agradecemos a sua Compreenção http://www.sistemadeprotecao.com.br
CUIDADO PODE SER UM VÍRUS

12 de maio de 2008

Tortura de idosos

Absurdo a denúncia registrada no Rigon envolvendo idosos. Indica “tortura psicológica”, “tortura moral” e “tortura política” contra idosos, no Cesumar. Pelo teor da denúncia - o que por si já é revoltante -, nos parece ter ocorrido má fé da administração pública de Maringá e uso do dinheiro público para o transporte dos idosos.
O Ministério Público de Defesa do Idoso, em Maringá, deve a partir da denúncia online iniciar um processo de investigação criminal de violação dos direitos do idoso contra o prefeito Sílvio Barros, o deputado federal Ricardo Barros e a deputada estadual, Cida Barros, além de todos os que utilizaram do microfone no evento político, pelo que nos parece, sem oferecer alternativas aos idosos presentes.
Caso o Ministério Público e o Poder Judiciário de Maringá não se manifeste, cabe aos que presenciaram ou denunciaram o feito, protocolizar denúncia por e-mail, telefone ou documento, na Corregedoria Estadual, em Curitiba, para início de processo para cassação do mandato dos envolvidos, além de serem proibidos de disputas eleitorais nos próximos anos.

11 de maio de 2008

Dia das mães

Aproveitei este domingo - dia das mães - para passar o dia com meus pais, em Umuarama. Foi um almoço e tanto, além da confraternização entre os parentes e dos parentes dos parentes que foram chegando no decorrer da tarde. Como já está anoitecendo e tenho 170 km a percorrer de volta, amanhã abastecerei este Diário. Resultado da visita aos pais: dos bate-papos levarei para Maringá mais de 100 gírias para serem incorporadas no Dicionário Popular, a exemplo de:
Tria = partir, sai fora, viajar.
Amassar bombril = fazer sexo.
Casca grossa = chato, ruim, que não faz nada.

10 de maio de 2008

Parabéns Maringá: 61 anos de agonia

Há 61 anos atrás Maringá foi emancipada. Bela e atraente foi incorporando cidadãos de todos os cantos do Brasil e do mundo, entre eles este alagoano. Quem chega não quer sair. Quem sai logo quer voltar.
A diferença é que ao completar 61 anos, sente as dores de ver sua história ser dilapidada, desde as históricas construções até as árvores, passando pelas obras caras e o dinheiro público.
Maringá é forte e resistirá às investidas. Resistiu Gianotto, resistirá a tantos outros que insistirem. Noutros aniversários teremos a alegria, de cortar bolos que não sejam de agonias.

Extinção dos legisladores

Ouvindo reportagem na CBN de que a Câmara de Vereadores de Maringá tem até início de setembro para reajustar os salários para a próxima legislatura e acompanhando as denúncias do que praticam os vereadores, deputados estaduais, federais e senadores com o dinheiro público, pouco contribuindo em termos de suas verdadeiras funções constitucionais de legislarem, penso em formatar proposta de extinção dos legisladores atuais (Câmaras, Assembléias e Congresso), de vereador a senador, por outra modalidade de legislar. Qual não sei, mas estou formatando.
Não é possível os brasileiros continuarem sustentando milhares de políticos que - na maioria - só se preocupam com o próprio umbigo (aumento de rendimentos: salário, superfaturamento, percentagem em aprovação de projetos, percentagem sobre liberação de verbas, mensalões...).
Em caso de extinção, como a mesma poderia se dá e o que poderia ser proposto como órgão fiscalizador do Executivo? O Ministério Público e/ou Poder Judiciário? Outra modalidade? Qual? Dê sua contribuição.

9 de maio de 2008

Olho no voto

Em 2003 e 2004, participei do Movimento pela Ética na Política (MEP), em Maringá, culminando no trabalho voluntário de fiscalização do processo eleitoral em 2004. Foram interessantes discussões a partir da Lei 9840. Triste foram os resultados das denúncias encaminhadas ao judiciário que não deram em nada. Resultado: desmobilização do MEP e frustração de todos que esperavam que promotores e juízes de Maringá defendessem a ética na política, o que não aconteceu.

8 de maio de 2008

O aumento de veículos em circulação

A aquisição em grande escala de veículos pela população resultará em caos no trânsito. Por outro lado, a grande quantidade de veículos em circulação e que aumenta consideravelmente mês a mês, impede a alta velocidade. Quando ocorrer acidentes, os mesmos serão em menores proporções. Diminuirá o número de mortos por acidente automobilístico e os feridos serão em menores proporções sem tantos riscos de morte. Aumentará o número de motos vendidas e em circulação e de motoqueiros feridos e mortos, assim como de pedestres atropelados pelo fato dos motoqueiros andarem apressados, subindo em calçadas e circulando nas pistas de caminhadas e de ciclistas, desrespeitando a sinalização e a velocidade. Certamente teremos um aumento considerável de ciclistas e pistas especiais para estes circularem sem tantos problemas, a não ser os problemas que enfrentarão com os motoqueiros.

Paul Singer

Entre o pouco tempo de hoje, passei pelo Marista e assisti Paul Singer. Entre outros assuntos, disse que a agricultura ecológica está atualmente mais valorizada no mundo que tempos atrás e continua sendo valorizada até mais que a agricultura em grande escala e cheia de química, incentivando os agricultores a continuarem com a agricultura ecológica. Citou a Cooperativa de Produção Agropecuária Vitória (COPAVI), de Paranacity/PR, onde esteve ontem visitando, como exemplo de trabalho e produção e alertou ser necessário repensar o futuro do petróleo que sobe no mercado mundial de forma descontrolada e também da quantidade de veículos produzidos e vendidos que levará o trânsito a um caos social, sendo necessário o Estado repensar as leis de trânsito.

7 de maio de 2008

João Ivo com Stédile

O ex-prefeito de Maringá e coordenador da Região Metropolitana, João Ivo Caleffi (PMDB) esteve na Escola Milton Santos acompanhando a fala do líder do MST, João Pedro Stédile, encerrada com um almoço coletivo.

Stédile

O líder do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) João Pedro Stédile, esteve nesta manhã na Escola Milton Santos, em Maringá/PR, onde falou com os estudantes filhos dos assentados de todo o Paraná e visitantes.
Stédile fez uma análise de conjuntura desde a invasão do Brasil com suas lutas de classes até o momento presente. Para Stédile não há governo que faça só tudo pelo povo e nem povo que pó si é só, faça tudo sem o governo. No entanto, observou que o Estado é uma instituição criada para resolver os problemas da população e esta precisa estar atenta para não ser enganada pelo Estado.
Ciente das pressões investidas pela administração de Maringá sobre a Escola Milton Santos, disse Stédile ser burrice da burguesia (administração pública) querer tomar a Escola Milton Santos. Para evitar situações de ameaças de despejo por parte da burguesia, é importante construir uma aliança campo e cidade, o que garantirá os espaços da Escola em construção.
Disse haver momentos da história do Brasil que o povo e a classe trabalhadora avançaram nos embates e combates e outros momentos que foi necessário recuar, reabastecer o tanque de combustível e voltar à luta, o que não é diferente no momento atual, reconhecendo que o povo brasileiro não se acomoda. São persistentes, mesmos com as dificuldades e ameaças.
Muito diferente dos históricos discursos de “ocupar, resistir e produzir”, Stédile incentivou muito os estudos visando a formação de quadros sociais e políticos. Reconheceu que os movimentos sociais estão em refluxo nos últimos anos e que é mais do que necessário neste momento estudar, se preparar para os momentos oportunos. Alertou que “este é um momento que o povo precisa se fazer de morto para pegar o coveiro desprevenido”. É um momento de estudar, fazer a faculdade e formar lideranças. Alertou que as escolas de formação têm a responsabilidade de investir na educação, na formação. O conhecimento é fundamental para as mudanças sociais e políticas nos movimentos sociais e na sociedade como um todo.
Para ele, o conhecimento científico sozinho não muda – do contrário as mudanças já teriam ocorrido –, só o governo não muda e só o povo não muda. É necessária a união de todos e que para acontecer é necessário estudar indignando-se contra as injustiças sociais, políticas, econômicas e culturais, que são inaceitáveis. Finalizou deixando claro que o objetivo do MST é formar quadros na agroecologia por meio de técnicas agrícolas como as desenvolvidas pela Escola Milton Santos, em Maringá.

Marcados para morrer

Os bispos marcados para morrer confirmaram as ameaças de morte que recaem sobre mais de 300 pessoas no Pará, entre eles os próprios denunciantes. Detalhes AQUI.

NIS III - Inauguração e questionamentos

O NIS III do Jardim Alvorada a ser inaugurado causa questionamentos quanto aos futuros atendimentos e à estrutura física e humana. Que ninguém duvide das falhas que ocorrerão. Mas uma coisa é certa, não estão falhando no visual à distância. Pintarem os meios fios das ruas e avenidas no entorno do NIS, chamando a atenção de quem passa pelas proximidades. Independente da pintura e do estardalhaço que a administração possivelmente fará, pelo menos um conselheiro (Luis Fernando) teve coragem de alencar dúvidas e questionamentos sobre o funcionamento do NIS, aqui e aqui.

6 de maio de 2008

O preço de um político

Independente do município, um político custa muito caro a cada brasileiro, seja o político um vereador, prefeito, deputado estadual ou federal, senador, governador, ex-governador, presidente da República ou ex-presidente. Vivendo às custas do trabalho do povo, usam e abusam do dinheiro que eles não soam para ganhar. Esta matéria no Jornal Pequeno dá bem a dimensão da questão.

Bispos estão meaçados de morte

Três bispos católicos da Amazônia estão marcados para morrer. Um deles, dom Erwin Kräutler, de Altamira (PA), vive sob escolta policial durante as 24 horas do dia há mais de um ano. Os outros dois ameaçados são dom Luiz Ascona, de Marajó (PA), dom Flávio Giovenale, de Abaetetuba (PA). Eles entraram na ‘lista da morte’ de fazendeiros, fazendeiros e traficantes devido à atuação contra a grilagem de terras, derrubada e tráfico de madeira e de drogas, tráfico de mulheres (crianças e adolescentes) para a prostituição da Guiana e na Europa.
O trio já pôs a boca no trombone em Belém, mas a saltitante governadora petista Ana Júlia Carepa fez pouco caso. Em Brasília, os bispos se encontrarão com o ministro especial dos Direitos Humanos, Paulo Vannuchi; e assessores da Subsecretaria de Promoção dos Direitos da Criança e do Adolescente, juntamente com os secretários de Segurança Pública do Pará, Geraldo Araújo; de Roraima, Cláudio Lima de Sousa; e do Amapá, Aldo Ferreira; o diretor geral da Polícia Federal, Luiz Fernando Correa; e o presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Dom Geraldo Lyrio Rocha. Leia a matéria da AGÊNCIA AMAZÔNIA. É de arrepiá.

5 de maio de 2008

Auxílio funeral ou Vale caixão

Uma Lei aprovada em março deste ano e publicada no Diário Oficial do DF a Lei 4.101, valendo para o Distrito Federal tem sido badalada como "Vale Caixão" por dispensar o pagamento das despesas com a realização de funeral à pessoa que tiver doado seus órgãos.
A doação de órgãos deveria ser uma iniciativa de todo cidadão. Mas a Lei aprovada está deixando feliz os parentes que, doando os órgãos do falecido, não terão que desembolsar dividendos para sepultar o felecido. Conheça a LEI.

Os doze meses do ano

Janeiro: homenagem ao Deus Janus, protetor dos lares;

Fevereiro: mês do festival de Februália (purificação dos pecados), em Roma;

Março: em homenagem a Marte, deus guerreiro;

Abril: derivado do latim Aperire (o que abre). Possível referência à primavera no Hemisfério Norte;

Maio: acredita-se que se origine de maia, deusa do crescimento das plantas;

Junho: mês que homenageia Juno, protetora das mulheres;

Julho: No primeiro calendário romano, de 10 meses, era chamado de quintilis (5º mês). Foi rebatizado por Júlio César;

Agosto: Inicialmente nomeado de sextilis (6º mês), mudou em homenagem a César Augusto;

Setembro: era o sétimo mês. Vem do latim septem;

Outubro: Na contagem dos romanos, era o oitavo mês;

Novembro: Vem do latim novem (nove);

Dezembro: era o décimo mês .

As datas de casamento

Caso o leitor esteja para festejar o casamento e não sabia o significado da data de aniverário, segue abaixo um empurrão:
1 ano - Bodas de Algodão;
2 anos - Bodas de Papel;
3 anos - Bodas de Trigo ou Couro;
4 anos - Bodas de Flores e Frutas ou Cera;
5 anos - Bodas de Madeira ou Ferro;
10 anos - Bodas de Estanho ou Zinco;
15 anos - Bodas de Cristal;
20 anos - Bodas de Porcelana;
25 anos - Bodas de Prata;
30 anos - Bodas de Pérola;
35 anos - Bodas de Coral;
40 anos - Bodas de Rubi ou Esmeralda;
45 anos - Bodas de Platina ou Safira;
50 anos - Bodas de Ouro;
55 anos - Bodas de Ametista;
60 anos - Bodas de Diamante ou Jade;
65 anos - Bodas de Ferro ou Safira;
70 anos - Bodas de Vinho;
75 anos - Bodas de Brilhante ou Alabastre;
80 anos - Bodas de Nogueira ou Carvalho.

Orgasmo de uma Maria gasolina

EnFiat, enFiat! Vem kA, meu Diplomata, da um Cherokee no meu cangote. Vem Logus! EnFiat o seu Picasso na minha Xantia! Eu sei que você Dakota do recado. Tira meu Blazer! Vem que sou toda Parati. Você não imagina o Quantum eu quero Dart, seu Besta!

Ai amor, só você me eleva e me o Fusca. Meu Gordini, desse jeito, eu te dou um Premio. Não Palio! Não Palio! Me Kombi! Me Kombi! Ai amor, Kadett, que eu não estou te achando?! Ai achei. Vou te dar o que eu Tempra você. Vai Variant, porque não dá pra ser todo dia do mesmo Tipo. Vai, enFiat seu Pointer Turbo no meu Courrier!

Ai Comodoro, Comodoro você! Ta doendo mas vai Passat. Não para ainda, me Kombi mais um pouco! Vai,D-10, D-20, D-30! Bem forte, de frente, de Corsa, de Lada. Isso, amor, Ranger os dentes, assim GM! GM! Vai,vai! Eu sou sua mulher, sua Verona, e você, meu Omega. Me abraça, me beija e me Ford. Me chama de Perua! Oggi tudo é Fiesta! Vou Golzarrrrrrrrrrr!!!

Recebido por e-mail e disponível em vários blogs

Questionamentos sobre um fenômeno

Ronaldo (o fenômeno?), sabia ou não que havia saído com três travestis? Mas seria ético se a saída fosse com três prostitutas ao mesmo tempo? Como fica sua imagem de embaixador junto à UNICEF, ao seu filho, família, crianças de todo Brasil? Qual sua opinião? OUÇA sua entrevista.

Fiscalização e rastreamento

A fiscalização por parte da polícia federal e receitas no Brasil avançou nos últimos anos, sobretudo no governo Lula, mas ainda é pouco diante das constatações dos abusos cometidos por empresários e políticos.
Vendo a reportagem de mais uma embarcação que afundou neste domingo (04) no Rio Solimões causando dezenas de mortes sem que o governo consiga fiscalizá-las, fico a duvidar de possíveis denúncias por nós cidadãos e da capacidade do governo fiscalizar os milhares de postos de combustíveis, assim como em rastrear os milhões ou trilhões de remédios em todo Brasil.

Órfãos

Vendo os preços da gasolina alterados nas bombas de vários postos entre ontem (domingo) e hoje (segunda-feira, dia 05 de maio), fiquei imaginando o quanto estamos órfãos no Brasil. Não basta o presidente de a República dizer que a gasolina não sobe. O que ele diz e o que de fato se pratica no final do túnel (nas bombas) há uma distância imensurável.
A ganância financeira dos empresários dos postos de combustíveis fala mais alto que as decisões de um governo. Como o mercado é de livre concorrência, todo valor das bombas pode ser alterado com um simples telefonema ou reunião entre os empresários do setor. Ao motorista só resta esbravejar e submeter-se ao preço determinado na bomba, talvez diminuindo apenas esporadicamente a quantidade de litros e de reais, com a sensação utópica de que esteja penalizando o setor de combustível.

Cúpula dos Povos

Entre 12 a 16 de maio - próxima semana - ocorrerá na cidade de Lima/Peru, a Cúpula dos Povos, realizada paralelamente à Cúpula de Chefes de Estado e Governo de América Latina, Caribe e União Européia.
Baseados em príncipios de direitos humanos e democracia participativa, a terceira Cúpula dos Povos pretende discutir alternativas às políticas neoliberais implantadas pelos governantes. OUÇA essa reportagem e entenda como surgiu a Cúpula e quais são os pontos a serem debatidos no encontro. Compreenda também porque os Movimentos sociais realizam terceira Cúpula dos Povos no Peru.

4 de maio de 2008

Maringá. Queda da temperatura e geada

Preparem as blusas e cobertores. A previsão é que a temperatura continue caindo em Maringá e possivelmente tenhamos geada na quarta-feira, com previsão de dois graus positivo. Que legal.

3 de maio de 2008

A morte de um senador

Um senador está andando tranqüilamente quando é atropelado e morre.
A alma dele chega ao Paraíso e dá de cara com São Pedro na entrada.
- 'Bem-vindo ao Paraíso!'; diz São Pedro.
- Antes que você entre, há um probleminha. Raramente vemos parlamentares por aqui, sabe, então não sabemos bem o que fazer com você.
- 'Não vejo problema, é só me deixar entrar', diz o antigo senador.
- 'Eu bem que gostaria, mas tenho ordens superiores... Vamos fazer o seguinte: Você passa um dia no Inferno e um dia no Paraíso. Aí, pode escolher onde quer passar a eternidade.
- 'Não precisa, já resolvi. Quero ficar no Paraíso diz o senador.
- 'Desculpe, mas temos as nossas regras'.
Assim, São Pedro o acompanha até o elevador e ele desce, desce, desce até o Inferno. A porta se abre e ele se vê no meio de um lindo campo de golfe.
Ao fundo o clube onde estão todos os seus amigos e outros políticos com os quais havia trabalhado. Todos muito felizes em traje social. Ele é cumprimentado, abraçado e eles começam a falar sobre os bons tempos em que ficaram ricos às custas do povo. Jogam uma partida descontraída e depois comem lagosta e caviar. Quem também está presente é o diabo, um cara muito amigável que passa o tempo todo dançando e contando piadas. Eles se divertem tanto que, antes que ele perceba, já é hora de ir embora.
Todos se despedem dele com abraços e acenam enquanto o elevador sobe. Ele sobe, sobe, sobe e a porta se abre outra vez. São Pedro está esperando por ele. Agora é a vez de visitar o Paraíso.
Ele passa 24 horas junto a um grupo de almas contentes que andam de nuvem em nuvem, tocando harpas e cantando. Tudo vai muito bem e, antes que ele perceba, o dia se acaba e São Pedro retorna.
- ' E aí ? Você passou um dia no Inferno e um dia no Paraíso. Agora escolha a sua casa eterna'.
Ele pensa um minuto e responde:
- 'Olha, eu nunca pensei ... O Paraíso é muito bom, mas eu acho que vou ficar melhor no Inferno'.
Então São Pedro o leva de volta ao elevador e ele desce, desce, desce até o Inferno.
A porta abre e ele se vê no meio de um enorme terreno baldio cheio de lixo. Ele vê todos os amigos com as roupas rasgadas e sujas catando o entulho e colocando em sacos pretos. O diabo vai ao seu encontro e passa o braço pelo ombro do senador.
- ' Não estou entendendo', gagueja o senador
- 'Ontem mesmo eu estive aqui e havia um campo de golfe, um clube, lagosta, caviar, e nós dançamos e nos divertimos o tempo todo. Agora só vejo esse fim de mundo cheio de lixo e meus amigos arrasados!!!'
O Diabo olha pra ele, sorri ironicamente e diz:
- 'Ontem estávamos em campanha. Agora, já conseguimos o seu voto...'
Recebido por e-mail

A sogra pagando o pato

A sogra de Cid Gomes - governador do Ceará - está pagando o preço de ser sogra de um governador. Até o presidente Lula se comoveu e disse que se no lugar da sogra, o governador tivesse levado empresários, a sogra não estaria sendo tão comentada pela mídia e se solidarizou à sogra que ficou famosa.

Seminário "Economia Solidária"

O Sindicato dos Engenheiros (Senge/Maringá), a Universidade Estadual do Maringá (UEM)e a Fundação Interuniversitária de Estudos e Pesquisas sobre o Trabalho (Unitrabalho), realizam no próximo dia 08 de maio, o Seminário "Economia Solidária, Soberania Alimentar e Agroenergia", no Teatro Marista, das 8h às 18h, na cidade de Maringá (PR).

De acordo com o blog da Economia Solidária, estão previstas as conferências do líder do Movimento Sem Terra, João Pedro Stédile, sobre “Agroenergia e o Agronegócio – o modelo de desenvolvimento e a soberania alimentar”, e do professor e secretário Nacional de Economia Solidária do Ministério do Trabalho e Emprego, Paul Singer, sobre a “Importância da Economia Solidária para a organização coletiva da agricultura familiar”.

O objetivo do seminário é apresentar uma proposta de produção agroenergética e estimular práticas autogestionárias, organizadas pela cadeia produtiva da agricultura familiar, através do modelo de organização coletiva e da Economia Solidária, para a diversificação de suas culturas, tornando viável a produção de biocombustível como alternativa ao modelo de monocultura.

O seminário terá a apresentação da experiência de organizações autogestionárias do campo e da cidade, apresentação das políticas governamentais de incentivos às agroenergias com soberania alimentar e mesa redonda sobre as ações e programas de apoio às energias renováveis. Para visualizar melhor a programação, clique sobre a mesma, abaixo:

2 de maio de 2008

Fotos da Romaria do Trabalhador

Gelinton Batista envia links de fotos da Romaria do Trabalhador em Maringá, confira: primeira opção: http://fotos.sapo.pt/slideshow.html?u=pjmaringa&a=27. Segunda opção: http://fotos.sapo.pt/pjmaringa/playview/27. As imagens fazem parte da galeria de fotos do portal da Pastoral da Juventude da Arquidiocese de Maringá: http://www.pjmaringa.com.br/canais/galeriadefotos.htm

1 de maio de 2008

A Romaria no Santa

Aproximadamente 5 mil pessoas de várias cidades da região de Maringá participaram da Romaria do Trabalhador da Arquidiocese de Maringá nesta tarde no Conjunto Santa Felicidade.
Foram mais de 30 ônibus e mais de uma centena de pequenos veículos estacionados nas ruas e avenidas do entorno, enquanto as pessoas acompanhavam os cantos, músicas, caminhadas, apresentações teatrais, discursos e rezas, sob orientação do padre Sidney Fabril.
A Romaria teve início no pátio do CEFET e após a abertura pelo Arcebispo de Maringá dom Anuar Battisti, seguiu em direção ao Conjunto Santa Felicidade, fazendo várias paradas para apresentações durante o trajeto. Nem a chuva fina atrapalhou os participantes que se amontoavam debaixo dos guarda-chuvas, marquises ou árvores.
Vários cartazes, faixas, banners, bandeiras e roupas denunciavam as injustiças que eram lembradas pelas equipes e músicas no som do caminhão que animava os romeiros.
A diferença desta Romaria para as primeiras romarias do trabalhador da arquidiocese na década de 80 foi o tom eminentemente católico, com a maioria das músicas voltadas para a religião.
Outra diferença fundamental desta para outras romarias do trabalhador no dia 1º de maio, foi a presença em peso da imprensa local, sobretudo os canais de televisão. Estava concorridíssima. Também estavam presentes vários políticos, entre eles alguns são candidatos a prefeito ou vices, que desapareceram logo após o início da caminhada. Fotos: Elias Brandão.